Voltar

Exército realiza varredura no Engenhão

 

Rio de Janeiro (RJ) – O Exército Brasileiro realizou, nesta quinta-feira, 8 de setembro, uma varredura complementar nas instalações do Estádio Olímpico Newton Santos - o Engenhão, localizado no bairro de Engenho de Dentro, zona norte do Rio de Janeiro. O local é a sede do atletismo nos Jogos Paralímpicos Rio 2016.

 

A varredura foi executada horas antes de os portões abrirem e continuou durante as provas. Utilizou equipamentos para detectar materiais contaminados por agente químico, bacteriológico, radiológico e nuclear.

 

A atividade contou com 60 militares especializados do 1º Batalhão de Defesa Química, Biológica, Radiológica e Nuclear (1º Btl DQBRN), equipados com detectores radiológicos do tipo PRD, detectores químicos do tipo GDA e o SIGIS DEC, detector de gases instalado em local estratégico durante as competições, não apenas no Engenhão, mas também no Maracanã, Maracanãzinho e Sambódromo.

 

O Coronel Anderson, Comandante do 1º Btl DQBRN, que está à frente da missão, destacou o trabalho do 4º Grupo de Artilharia de Campanha Leve, subordinado à Brigada 31 de Março, que atuou em apoio à varredura, tendo em vista a grande extensão dos locais das competições. O militar acrescentou: "Nossa missão só será concluída após a cerimônia de encerramento dos Jogos Paralímpicos Rio 2016".