Voltar

Hospital Geral atua com mais de 600 profissionais na Vila Militar

 

Rio de Janeiro (RJ) – O Hospital Geral do Rio de Janeiro (HGeRJ), localizado na Vila Militar, zona oeste do Rio de Janeiro, tem como principal missão nos Jogos Paralímpicos Rio 2016 atuar nas vênues, diferentemente do foco nos Jogos Olímpicos, cujo objetivo era o atendimento direto às Forças de Segurança. Os postos de saúde das vênues são espaços equipados para prestar atendimento imediato aos torcedores, às equipes de apoio e às Forças de Segurança. São compostos por médicos, enfermeiros e técnicos da área de saúde. Em Deodoro, o HGeRJ montou três postos de saúde: no Estádio de Deodoro, no Centro de Hipismo e no Estante de Tiro.

 

Segundo o Coronel José Oiticica Moreira, Diretor do Hospital Geral do Rio de Janeiro, mais de 600 militares de saúde estão sendo empregados durante os Jogos Rio 2016. O Oficial afirmou que o HGeRJ tem capacidade de prestar socorro a múltiplas vítimas nas áreas de clínica médica, odontológica e cirúrgica.

 

O Hospital Geral do Rio de Janeiro está preparado para atender até 14 mil pessoas ao dia. Para atuar durante os Jogos, o Hospital recebeu um reforço de alunos da Escola de Saúde do Exército e de quatro módulos de saúde, estruturados em barracas que servem de atendimento a múltiplas vítimas de acidentes e em situações de Defesa Química, Biológica, Radiológica e Nuclear (DQBRN).   

 

O principal legado dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 para o HGeRJ foram a sistematização do atendimento a múltiplas vítimas, o treinamento de tropas do Hospital  e os recursos médicos que estão sendo gerenciados pelo HGeRJ, concluiu o Diretor.