Voltar

Militares dos Batalhões Olímpicos recebem aulas de idioma

 

Rio de Janeiro (RJ) - A preparação de militares dos Batalhões Olímpicos do Grupamento de Unidades Escola da 9ª Brigada de Infantaria Motorizada, Brigada Monte Castelo, incluiu, além de ações táticas de combate e controle de distúrbio, aulas de idioma instrumental, com ênfase no inglês e espanhol. As instruções tiveram início no primeiro semestre deste ano e foram direcionadas para cabos e soldados que atuam, diretamente, nos postos de controle da Vila Militar, em Deodoro, durante os Jogos Rio 2016.

 

De acordo com o Chefe da Seção de Planejamento da Brigada, Coronel Oliveira Costa, o objetivo foi preparar esses militares para situações em que o uso de outro idioma se faça necessário. “O plano de aula e o material auxiliar visaram transmitir aos militares as noções básicas de saudação, direção e abordagem, a fim de facilitar a comunicação”, explica.

 

Em uma segunda fase, as aulas foram direcionadas a oficiais e sargentos responsáveis por comandar as frações que atuam nos postos, para fiscalizarem as ações e darem suporte. Um folheto com frases-chave e um mapa com locais e horários das competições (elaborados nos dois idiomas) foram distribuídos aos militares, para facilitar o trabalho de orientação.

 

Desde o início dos Jogos, as professoras, responsáveis pelas aulas, estão atuando também como intérpretes em postos de controle e pontos estratégicos de grande fluxo de espectadores na Vila Militar, além de fiscalizarem e auxiliarem outros militares em casos de abordagem de estrangeiros. Intérpretes do Centro de Conjunto de Operação de Paz do Brasil e do Centro de Avaliação e Adestramento do Exército juntaram-se à equipe para apoiar a missão.